Acabem com as Guerras em Casa [EUA] e no Exterior - Tragam as Tropas para Casa Agora!

Escrito por Indy Bay Dom, 10 de Abril de 2011 00:00

Imprimir

Rubble, Indy Bay, 10.4.2011
tradução de Edu Montesanti

Um comício e marcha antiguerra foi realizado em San Francisco, dia 10 de abril no Parque Dolores. Ouviu-se por cerca de duas horas alto-falantes do estágio em que se falou contra a guerra e dos problemas políticos. Entre os oradores, estava a deputada afegã Malalai Joya, suspenso do Parlamento do Afeganistão por denunciar os senhores da guerra e a guerra e ocupação dos EUA / OTAN.

Após o comício, os manifestantes fizeram passeata por quilômetros na cidade de Missão, seguidos por menor grupo de oradores atrás, no Parque Dolores. A mensagem foi clara: acabar com todas as guerras, trazer de volta para casa as tropas agora, parar os ataques contra os trabalhadores; usar o dinheiro de guerra para necessidades humanas em casa, tais como saúde, habitação, educação e emprego; terminar a interferência do governo dos EUA em assuntos de outros países, especialmente no Oriente Médio, e libertar presos políticos. A manifestação foi patrocinada pela Comitê Unido Antiguerra dos Estados Unidos (UNAC, na sigla em inglês), e endossado por centenas de organizações de justiça social.

Patricia Jackson escreve: "Nós continuamos marchando, sustentando nossa energia e solidificando-nos na resistência nascida no Oriente Médio e em Wisconsin. Na manifestação bem organizada e na marcha de domingo, 10 de abril, ouvimos de oradores sobre os irmãos e irmãs envolvidos em justiça social em todo o globo. Ficamos sabendo que os 10 trabalhadores da empresa ILWU Local que fecharam as portas aqui, em solidariedade com a marcha Nós Somos Um, estão sob ataque por suas ações e precisam do nosso apoio.

Ouvimos as mensagens dos presos políticos, Mumia Abu Jamal e Lynne Stewart. Ouvimos o outro lado da "ajuda humanitária". Os esforços na Líbia. Recomenda-se boicote a todos os produtos da GE; aos fabricantes de armas nucleares e das usinas de energia nuclear; apoiamos os 11 alunos de Irvine, agora ameaçados à pena de prisão por apenas reivindicar uma conversa em seu campus com o embaixador de Israel; ficamos sabendo que os ativistas em Chicago estão enfrentando um Grande Júri pelo ativismo antiguerra, e exigiram saber o que os militares estão fazendo com Bradley Manning. À medida que marchamos do Parque Dolores por Missão, as pessoas nas calçadas aplaudiram e motoristas buzinavam em apoio.

Malalai Joya

Malalai Joya